• Brasil
  • 03:48:08 am

Dória desiste de concorrer à presidência

Ex-governador do Estado de São Paulo fez pronunciamento hoje em suas redes sociais

news-details

O ex-governador de São Paulo João Doria anunciou nesta segunda-feira (23) a desistência de sua candidatura para a Presidência da República. Ele fez um pronunciamento em suas redes sociais.

João Doria era até então pré-candidato pelo PSDB e, em meio a muita polêmica, discussões com o partido e péssimos resultados nas pesquisas de intenção de votos, o partido buscava uma mudança no cenário há alguns meses.

"Para as eleições deste ano me retiro da disputa com o coração ferido, mas com a alma leve", disse Doria durante seu pronunciamento.

Com a desistência do ex-governador, o partido pensa em consolidar a senadora Simone Tebet (MDB) como candidata, assumindo o lugar de candidata da chamada terceira via, para concorrer ao Palácio do Planalto. Em pesquisa feita pelos partidos, Simone foi apontada com mais chances de concorrer com Lula (PT) e Jair Bolsonaro (PL) do que o ex-governdor João Doria.

Se confirmada, Simone pode ser a única opção feminina na disputa pelo cargo este ano.

VAI CONTINUAR

Após anunciar a desistência de sua pré-candidatura à Presidência nesta segunda-feira (23), o ex-governador de São Paulo João Doria afirmou que não vai deixar o PSDB. 

"Eu não vou sair do PSDB. Eu disse isso hoje na minha manifestação na hora do almoço. Eu continuo a exercitar aquilo que representou minha vontade de estar no PSDB. Eu só tive um partido, tenho 22 anos de PSDB. Eu não mudei de partido, não mudo de partido e não vou mudar de partido", disse.

Segundo o ex-governador, sua decisão de não levar à Justiça o impasse após sua vitória nas prévias do partido foi um "gesto pelo país".