Caravana

EXCURSÃO ADIADA PARA O PADRE MARCELO É CANCELADA POR ROCIOLI

Passageiros da caravana do dia 21 de março terão os valores restituídos de maneira gradativa.
Por: Da Redação | Categoria: Rocioli Viagens | 01-11-2020 19:00 | 299
Thiago Rocioli, por meio da Rocioli Viagens, e Mendes Turismo firmaram parceria para a Caravana para o Padre Marcelo Rossi
Thiago Rocioli, por meio da Rocioli Viagens, e Mendes Turismo firmaram parceria para a Caravana para o Padre Marcelo Rossi Foto de Divulgação

Em reunião na última sexta-feira (30), entre representantes da Rocioli Viagens e Mendes Turismo ficou acertado que os valores referentes a caravana do dia 21 de março de 2020, com destino ao padre Marcelo Rossi, serão devolvidos de forma gradativa aos passageiros. A excursão não aconteceu porque o padre Marcelo Rossi fechou o Santuário Mãe de Deus para visitação, devido ao estado de pandemia do Covid-19

A medida é diferente da anterior, quando ficou decidido em adiar a caravana. Agora ela está oficialmente cancelada. "Isso porque temos uma responsabilidade muito grande com nossos clientes. Grande parte do nosso público é formado por pessoas idosas e alguns possuem comorbidades. Como não temos uma previsão de quando poderemos retornar ao Santuário, decidimos cancelar a viagem", disse Thiago Rocioli, responsável pela organização das excursões.

Após quatro meses, o padre Marcelo Rossi chegou a reabrir o Santuário para o público, mas foi categórico: "Não posso impedir, mas neste momento não gostaria que viessem as caravanas. Estou reabrindo o Santuário com prudência, sabedoria, para juntos vencermos a pandemia com alegria, seguindo todas as orientações da Vigilância Sanitária". A frase foi dita durante o programa de rádio "No Colo de Jesus e de Maria" que ele apresenta de segunda à sábado, das 8h às 9h, para 106 emissoras. Em Franca (SP), a retransmissão fica a cargo da Rádio Imperador (AM 920). 

Como já se passaram sete meses, a Rocioli Viagens - organizadora das viagens para o padre Marcelo Rossi - e a Mendes Turismo - contratada para prestar o serviço de transporte turístico - tomaram a iniciativa em devolver o dinheiro dos passageiros. 

DEVOLUÇÃO

A devolução será gradativa. Thiago Rocioli entrará em contato com cada passageiro e acertará a devolução. Ela vai começar nesta terça-feira (3). Assim como acontece na hora da compra das passagens, os primeiros a adquirir as passagens serão os primeiros a terem seus valores restituídos. "Via de regra nós não devolvemos passagens. E quando vamos vender, deixamos isso bem claro aos nossos passageiros. Mas, embora este seja um caso atípico, por causa da pandemia, achamos por bem abrir esta exceção", completou Rocioli.