Vacina

SP SUSPENDE VACINAÇÃO POR FALTA DE IMUNIZANTE

Município decretou, entre os dias 20 e 28 de maio, medidas mais restritivas para contenção da doença.
Por: Aline Natal | Categoria: Brasil | 21-06-2021 22:01 |
Taquaral não tem novos casos após lockdown
Taquaral não tem novos casos após lockdown Foto de Reprodução

A cidade de São Paulo suspendeu a vacinação contra a Covid-19 nesta terça-feira (22). O motivo alegado pela prefeitura é a falta temporária do imunizante. Devido à alta procura pela vacina, todo o estoque foi utilizado. Nesta semana, a faixa etária que deveria ser imunizada é a de pessoas de 50 a 59 anos.

LEIA TAMBÉM:
Confira a lista de empregos

Por volta das 18h desta segunda-feira (21), ao menos 324 UBSs (Unidades Básicas de Saúde) da cidade de São Paulo não estavam aplicando a vacina contra Covid-19. A informação foi levantada com base no site "De Olho na Fila", da prefeitura da capital. A Secretaria de Saúde afirmou que deve receber nesta terça-feira 188 mil doses do governo do estado para que possa abastecer os estoques das Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e dar prosseguimento ao calendário estipulado.

Nesta segunda pela manhã, a prefeitura já tinha informado que os pontos de drive-thru, megapostos e farmácias estariam fechados para vacinar o público. Hoje, a vacinação ocorreu apenas nas 468 Unidades Básicas de Saúde (UBSs), além dos 17 Serviços de Assistência Especializada (SAE) e três Centros de Saúde.

Na semana passada, a prefeitura de São Paulo chegou a abrir o cadastro para todos os moradores da cidade com 18 anos ou mais para a "xepa da vacina", ou seja, as doses remanescentes de vacinas contra a Covid-19. O anúncio gerou filas nas UBSs.

Conforme publicou o Portal G1.