Thiago Rocioli

ROCIOLI DISPONIBILIZA AMOR INSANO

Radionovela foi escrita, gravada e distribuída em 2005 para seleto grupo. Neste ano, material passou por reedição e acessível a todos.
Por: Da Redação | Categoria: Rádio | 01-04-2021 00:09 |
Arte de divulgação da história fantasiosa, porém possível, de um jovem escritor
Arte de divulgação da história fantasiosa, porém possível, de um jovem escritor Foto de Divulgação

Dezesseis anos após ter escrito, gravado, dirigido e distribuído a um seleto grupo de pessoas de forma gratuita uma radionovela que marcava a conclusão do Ensino Médio de sua turma na escola, o comunicador Thiago Rocioli disponibilizou a todo público a radionovela "Amor Insano". A produção é independente. 

LEIA TAMBÉM:
Concursos são alternativa para quem deseja driblar desemprego

A intenção foi reproduzir algumas situações do cotidiano da escola e gravar a voz de uma parcela dos integrantes da sala de aula e amigos de membros da classe. "Para depois de alguns anos, ouvir e matar um pouco da saudade do grupo que sempre foi muito unido", disse o idealizador Thiago Rocioli. A trama conta a história da popular Ana Carolina que acaba se envolvendo com o tímido e romântico Bruno. Ela, uma jovem que lida com suas dúvidas diárias. Ele, um aluno dedicado e apaioxnado por Carol há dois anos. A radionovela tem como preocupação abordar o cotidiano de um jovem. Para isso, traz questões como drogas, sexo, violencia, amizade e relacionamentos.  "É uma espécie de "Malhação"  - produção da TV Globo destinada ao público jovem - com os recursos e as fantasias que tínhamos naquela época", explicou o autor. 

Para esta missão foi necessária a colaboração de muitas pessoas. Vinte e cinco ao todo, entre colegas de classe, professores e amigos. "Sempre desejei ser jornalista. Lembro com carinho de entrar em contato com a apresentadora Fernanda Bufoni, na época apresentadora de um informativo na RecordTV Interior e a convidei para este projeto ousado de um grupo de sonhadores. Ela topou e fiquei muito feliz. Na história, a Ana Carolina desejava trabalhar com a Bufoni um dia. Este feito eu consegui ao longo da minha trajetória", contou Thiago. 

Neste ano, material passou por reedição e está acessível a todos. Clique aqui para ouvir.